O cofundador da Kucoin revela que 84% dos fundos hackeados foram recuperados

0 Comments

O cofundador do Kucoin, Johnny Lyu, em um tweet na quarta-feira, 11 de novembro de 2020, atualizou a comunidade sobre o progresso até agora no hack recente que abalou o intercâmbio em setembro. Lyu, em seu tweet, deixou claro que 84% dos fundos hackeados já foram recuperados, com esforços para recuperar o restante ainda em andamento. Embora relativamente silencioso sobre o processo de como os fundos foram recuperados, Lyu disse que os detalhes do processo de recuperação seriam publicados assim que o caso fosse resolvido.

Kucoin recupera a maioria dos fundos roubados

Conforme relatado por ZyCrypto em 26 de setembro de 2020, nada menos do que $ 250 milhões em ativos foram roubados de uma das principais bolsas de criptomoedas, a Kucoin.

Conforme informado na época, as moedas e tokens roubados incluíam Bitcoin, Ethereum e vários outros tokens ERC-20. Esses fundos foram transferidos da carteira quente de Kucoin.

Na época, a troca prometeu que os usuários afetados seriam compensados ​​enquanto procuravam outras bolsas, na esperança de rastrear e possivelmente recuperar os fundos roubados.

O evento fez com que a bolsa fechasse alguns de seus serviços na plataforma

Uma boa notícia finalmente surge quando o cofundador das bolsas, Johnny Lyu, revela que uma parte considerável dos fundos roubados, 84% para ser mais preciso, já foi recuperada.

Informando sobre as medidas tomadas para recuperar os referidos fundos, Lyu disse que os ativos afetados foram recuperados por meio de uma abordagem de rastreamento em cadeia, atualização de contrato e recuperação judicial. Embora ele não tenha ido além disso, Lyu disse que todos os detalhes do hack seriam publicados assim que o caso fosse encerrado, conforme solicitado pelas agências de aplicação da lei.

Além disso, Lyu agradeceu àqueles (incluindo indivíduos e organizações) que comprometeram seus esforços para recuperar os fundos roubados.

Avançando, ele prometeu que a troca iria dobrar seus esforços para proteger os ativos dos usuários na plataforma.